Crianças que tomam café da manhã regularmente são mais inteligentes

Pão, leite, frutas, iogurte. Tomar café da manhã regularmente faz muita diferença na vida das crianças. Um dos principais benefícios é o desenvolvimento da inteligência

Pesquisadores da Escola de Enfermagem da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, analisaram dados de 1.269 crianças chinesas de 6 anos.

Eles atestaram que aquelas que tomavam café da manhã todos os dias tiveram melhores resultados em testes de Q.I. (4,6 pontos a mais em relação às que só comiam às vezes), independentemente de sexo, local de moradia e nível de escolaridade dos pais.

Para descobrir quais crianças faziam essa refeição regularmente, os especialistas enviaram um questionário às famílias.

“A infância é um período crítico durante o qual hábitos de dieta e qualidade de vida são ensinados às crianças, e esses hábitos podem ter implicações relevantes de imediato e a longo prazo”, afirmou em nota a coordenadora do estudo, Jianghong Liu.

Outras pesquisas já haviam mostrado que não fazer essa refeição todos os dias aumenta o risco de a criança ter sobrepeso, uma vez que, ao pular o café, ela exagera na seguinte, consumindo também mais calorias e gorduras.

Mas, afinal, o que justifica que o café da manhã tenha tanta importância?

Segundo a nutricionista Mirella Neves, do Hospital Pequeno Príncipe (PR), um dos motivos é que os alimentos dessa refeição são os primeiros combustíveis do dia. Depois de várias horas em jejum, o corpo – especialmente o cérebro, caso seu filho estude de manhã – precisa de alimentos.

Outra boa razão: se a criança não se alimenta corretamente no início do dia, pode apresentar hipoglicemia devido à baixa presença de glicose no sangue e ficar mais mole e cansada que o normal. Tontura, náusea e até desmaios podem aparecer. Além disso, ela pode ter alteração no humor e dificuldade para se concentrar.

Se o seu filho não tem costume de se alimentar pela manhã, é hora de mudar esse hábito. “Em primeiro lugar, explique para a criança por que essa refeição é fundamental. Além disso, os pais precisam insistir, de forma amigável, para que o filho coma alguma coisa”, afirma Celso.

Você pode oferecer um leite com achocolatado ou batê-lo com uma fruta de que ele mais gosta. É importante também incluir um carboidrato nessa refeição. Lembre-se que você é o exemplo: as escolhas e os hábitos da criança dependem muito do que elas vêm os pais fazer e comer.

Outra dica é, sempre que possível, diminuir o consumo de açúcar e aumentar a quantidade de fibras no café. “Faça substituições. Em vez de 3 colheres de achocolatado, comece a colocar somente duas. Inclua sempre uma fruta: ela garante vitaminas e fibras alimentares”, diz Rose Patin.

Está faltando tempo pela manhã? Uma sugestão é deixar a mesa do café preparada na noite anterior e pedir ajuda do seu filho. Faça com que esse momento seja um encontro saudável da família e sem pressa. Comer correndo desestimula. Para ajudar você, confira abaixo um cardápio semanal para a primeira refeição do dia da criança:

Segunda-feira: leite integral com achocolatado, pão com manteiga e meio mamão;

Terça-feira: vitamina de leite, banana, aveia e maçã e biscoitos de água e sal;

Quarta-feira: iogurte natural, pão com requeijão e goiaba;

Quinta-feira: cereal com leite, morango e banana;

Sexta-feira: suco de laranja e pão com queijo branco.

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 − 5 =